Olá Player’s!

Aqui quem fala é o Zero.

Hoje lhes trago o melhor, mais épico e mais brutal jogo de sobrevivência que eu já vi até o momento.

Coberto de sangue e rostos despedaçados por tacos de baseball e pés de cabra, The Last of Us Part 2 muda totalmente o conceito do primeiro jogo, melhorando e aperfeiçoando em tudo.

ATENÇÃO: CONTÉM SPOILERS!

Sim amigos! Chegou o momento que todos esperavam. The Last of Us Part 2 é exclusivo para PS4 e enfim está no mundo gamer para todos que quiserem adquirir.

Gráficos de tirar o fôlego e dublagem impecável são apenas o começo desse iceberg do possível (e bem provável) Game do Ano.

Mais forte do que nunca, Ellie vem mostrando para todos que entrarem em seu caminho (seja infectado ou não) que uma paulada no meio da fuça faz um estrago danado.

The Last of Us Parte II se passa quatro anos depois do final do primeiro. Diferente do primeiro game, onde temos um momento de amor e carinho paterno do nosso querido Joel por Ellie, nessa segunda parte da nossa história tudo está voltado para o ódio, e de maneira brutal.

Cada momento colocado à frente dos nossos olhos faz com que tenhamos os mais diversos sentimentos (a maioria de raiva e vingança). A Naughty Dog teve a ideia brilhante em fazer com que nós passássemos exatamente pelas mesmas situações que os personagens estão passando.

A exploração está absurda de tão boa: prédios, garagens, lojas e muitos outros lugares podem ser vasculhados, e neles podemos achar itens de cura e matérias para melhorar nossas armas.

Os NPC’s “humanos” estão agora mais inteligentes: em dado momento podemos vê-los interagindo uns com os outros por nome próprio e até demostrando cuidado pelo outro em frases como “ei onde está Sarah?”.

Rodamos mundo afora atrás de vingança (lembra que eu disse que tinha spoiler né?), pois um personagem mega importante para a trama é morto e isso deixa Ellie full pistola. A menina desbrava os locais sentando a porrada em geral de maneira agressiva e com muita raiva, o que deixa a gameplay BRUTAL. Podemos ainda escolher nosso estilo de jogo: podemos seguir na base do stealth ou estourando miolos de qualquer um que atravessar nosso caminho (mas lembrem-se: a munição NÃO É INFINITA). Uma dica é ir na caladinha usando uma novidade: deitar-se no chão. Esse movimento permite que fiquemos invisíveis – ou quase – para alguns inimigos, sem contar que isso nos garante momentos engraçados com os inimigos confusos: “Deve ter sido o vento” (o vento carrega uma 12 e um rifle).

The Last of Us Parte II é maior, mais detalhado e mais difícil que seu antecessor. Recomendado para todos que possuem um PS4!

Vou ficando por aqui. Boa jogatina para vocês player’s!
E até a próxima! Zero desligando.