CALL OF DUTY no Nintendo Switch e na plataforma PlayStation é um dos desejos do presidente oficial da ACTIVISION. (Os donos e entusiastas da plataforma agradecem…)

Depois de publicar em seu blog que a Microsoft cumprirá com todos os acordos legais para levar as franquias consagradas da divisão para outras plataformas (além do XBOX), durante a entrevista à emissora CNBC, BRAD Smith comentou que deseja lançar CALL OF DUTY é uma das franquias famosas que ele pretende levar para os consoles da Nintendo:

Uma das coisas sobre as quais estamos sendo muitos claros à medida que avançamos com a revisão regulatória desta aquisição é que grandes títulos como Call of Duty da ACTIVISION Blizzard hoje continuarão disponíveis na Sony e sua plataforma PlayStation.

Gostaríamos de trazê-lo para os dispositivos da Nintendo. Gostaríamos de trazer os outros populares que a ACTIVISION Blizzard tem e garantir que eles continuem disponíveis no PlayStation, [e] que fiquem disponíveis na Nintendo.

A primeira aquisição feita depois que a Satya Nadella se tornou CEO foi em torno de Minecraft. Isso foi em setembro de 201. E o que fizemos com essa aquisição, acho que é um indicador claro do que esperamos fazer se adquirirmos a ACTIVISION Blizzard.

Ou seja, invista ainda mais em inovação, mas leve-a para mais pessoas, leve-a para mais plataformas, torne-a ainda mais útil e, esperançosamente, agradável para as pessoas que a usam. ” – Pontua BRAN Smith.

Bem, a última vez que a franquia CALL OF DUTY aterrissou em um console da Nintendo, foi durante os anos de ciclo de vida útil do Wii U, em que a edição do clássico Call of Duty: Black Ops II contava com o suporte à tecnologia dos sensores de movimentos do Wii-Remote + Nunchuk e um modo em que dois jogadores podiam debulhar o modo Co-Op de forma assimétrica: um na tela da TV enquanto o outro, na tela do GamePad. – uma das exclusividades que foram demonstradas durante a apresentação do Wii U.

Call of Duty: GHOSTS também marcou presença no Wii U. Porém, a falta de marketing resultou em 0,33% de vendas na plataforma.

Convenhamos: é incompreensível em seu quinto ano de permanência bem-sucedida no mercado, o Nintendo Switch não tenha recebido ao menos, uma versão exclusiva de CALL OF DUTY que se aproprie das características únicos da plataforma como o giroscópio/ sensor de movimentos, HD Rumble, a câmera IR infravermelho dos JoyCons e claro, a sua portabilidade.

Se hardware for uma das justificativas da ACTIVISION, vale a pena ressaltar que na época em que o Wii – Console de natureza diferente da Nintendo reinava absoluto, o estúdio portou as versões modestas de CALL OF DUTY 3, World at War, Black Ops, Modern Warfare 1 e 3.

E ambas venderam muito bem.

Então, eu e uma legião de fãs da franquia, esperamos ver um jogo exclusivo da franquia para a plataforma híbrida da Nintendo. (Oremos – risos).

Por Cayo Eduardo. (Equipe BIG BOY GAMES)

Fonte: VideoGameChronicles