*De acordo com o produtor YOSHINORI Kitase, se aprofundar no universo de Final Fantasy VII será um dos focos da Square Enix neste ano.

Aos que estão debulhando FINAL FANTASY VII REMAKE: Integrade. (PlayStation 5), a sequência do jogo pode ser oficialmente revelada neste ano. Em entrevista aos redatores do portal 4Gamer, o produtor da franquia – YOSHINORI Kitase, comentou diretamente que o universo de FF VII será um dos focos centrais da Square Enix para contemplar os 35 anos de aniversário de uma das franquias de RPGs mais icônicas da indústria:

O mundo de Final Fantasy VII reiniciou com o Remake e continuará se expandindo em 2022. Espero que vocês curtam Final Fantasy VII First Soldier também”.

Apropriando-se do sistema Battle Royale, FFVII First Soldier é o título exclusivo para dispositivos móveis com a temática inspirada na narrativa de combate à Shinra. Sabe-se que FINAL FANTASY VII Remake Part II está em plena produção e tecnicamente, promete tirar proveitos do hardware e recursos do PlayStation 5. Ao invés de apenas aprimorar o visual, os efeitos de iluminação e física do jogo, a sequência se apropriará dos recursos do controle DualSense com maestria e criatividade. O estúdio japonês já deixou para trás a “pré-produção” (quando é planejado o conceito do projeto), para a equipe de concentrar no desenvolvimento. Na última edição da revista Famitsu, o diretor TETSUYA Nomura se mostra determinado a lançar o jogo o mais cedo possível.

Todos nós sabemos que todos os jogadores e fãs querem o próximo capítulo rapidamente. Também gostaríamos de entrega-lo o mais cedo possível. Já que fomos capazes de ver a qualidade do primeiro jogo, esperamos fazer o próximo com nível de qualidade superior, para trazer uma experiência ainda melhor. Queremos lança-lo o mais cedo possível, portanto, espere por isto. “ – promete Nomura.

De acordo com o time de desenvolvimento, CLOUD Strife e seus fiéis comparsas iram explorar o mundo de Gaia e deixarão Midgar para trás.

Durante uma longa entrevista com a IGN USA, o co-produtor NAOKI Hamaguchi admite que pretende levar FINAL FANTASY VII Remake Part II para uma nova e empolgante experiência de gameplay e para que isso aconteça, os cenários serão essenciais. Hamaguchi se diz muito feliz e satisfeito com a recepção do primeiro jogo porque a Square Enix conseguiu entregar aos fãs, “uma experiência idêntica a um filme através do gameplay”. Portanto, para ele, os elementos de exploração terão muita importância na segunda parte.

O próximo lançamento envolverá Cloud e companhia deixando Midgar e explorando o mapa do game. Nosso próximo desafio será criar um gameplay que alavancará a vastidão do mundo como nunca vimos neste título.

Ao voltar a falar sobre a parte criativa do jogo, o diretor TETSUYA Nomura admite que passou o bastão para o co-produtor NAOKI Hamaguchi na direção de Final Fantasy VII Remake Part II para se focar na área criativa:

O desenvolvimento está segundo em frente e vai muito bem. Gostaria muito de fazer o anúncio numa melhor hora, mas Cloud está correndo na mãe natureza. Vocês poderão curtir uma atmosfera bem diferente do primeiro jogo”.

E mais: os combos técnicos da DLC “INTERmission” estarão presentes no segundo jogo. Hamaguchi disse que as melhorias no combate o deixaram bem satisfeito e muitos outros elementos serão implementados na sequência à exemplo dos combos interligados entre YUFFIE e SONON para refinar as estratégias durante os combates.

Dessa perspectiva, estou muito satisfeito com a forma final, através da qual o elemento estratégico das batalhas por comandos do original coexiste com batalhas em tempo real focadas na ação frenéticas. Adicionalmente, com Intermission existe outro elemento que foi introduzido, os combos onde Yuffie & Sonon combinam movimentos, o que dá uma sensação diferente à estratégia dos combates. Gostaria de ter isso em conta, incluindo outros elementos que testamos em Intermission, para a nossa próxima história. “ – admite Hamaguchi.

Outro co-diretor de FFVII Remake – MOTOMU Toriyama comentou rapidamente sobre todos os outros projetos já lançados sobre o mundo do jogo, como Crisis Core. (PSP) e o longa-metragem de animação cinematográfica Adventure Children. Segundo ele, o outro objetivo da Square Enix é tornar a recriação dos games citados, o ponto culminante sobre o game.

O mundo particular de ‘Final Fantasy VII’ foi amplamente expandido por meio de vários trabalhos que se seguiram ao jogo original. Queremos torná-lo o ponto culminante de todos os trabalhos relacionados ao ‘Final Fantasy VII’ criados até agora. Existem personagens que eu também não conheço, mas é o mesmo com Cloud e companhia… “ – admite Toriyama.

O quão grandioso será a sequência de FINAL FANTASY VII Remake?

Fiquem ligados no blog da BIG BOY GAMES para futuras atualizações.

Por Cayo Eduardo. (Equipe BIG BOY GAMES)

Fonte: 4Gamertwitter/Aitaikimochi