Conforme notificado anteriormente, ontem à noite (dia 03 de fevereiro às 19:00 horas da noite), SHINJI Mikami. (Pai de The Evil Within e Resident Evil) e sua pequena equipe do estúdio Tango Softwares composta por apenas cinco pessoas, apresentaram em primeira mão, os novos detalhes e um vídeo inédito de gameplay de Ghostwire: Tokyo, que chegará ao PlayStation 5 no dia 25 de março. As pré-vendas já estão disponíveis na PS Store brasileira.

Ao contrário de um genuíno jogo de terror cheio de ideias clichês e desgastadas, Ghostwire: Tokyo se mostra como um jogo único de ação e aventura tridimensional singular, territorial e incomum, que nos transporta para o deslumbrante parque central de Tóquio, fielmente reinventada com perfeição; que de acordo com a equipe de desenvolvimento Tango Gameworks, se atribui ao HDR, a tecnologia Ray-Tracing e o poder de fogo do PlayStation 5.

De acordo com o banco de dados do jogo na PSN por via PlayStation Game Size, Ghostwire: Tokyo ocupa 19,472GB de espaço de armazenamento no console de nova geração da Sony. (Sem as atualizações solicitadas)

Ao comando de um jovem japonês chamado AKITO que se tornará um caçador de demônios fantasmagóricos que vagam perambulando pelas ruas da metrópole desvairada.

Ao ser desafiado a dominar as artes místicas da Tecelagem Etérea para derrotar seres sobrenaturais – conhecidos pelos moradores locais como “Os Visitantes”, sob a perspectiva em primeira pessoa, o caçador de demônios AKITO irá explorar um ambiente ultramoderno, cyberpunk e peculiar invadido por fantasmas, demônios bizarros e criaturas lendárias do folclore japonês.

O sistema de combate é dinâmico, frenético e tão excêntrico quanto as particularidades que faz da nova cria inventiva de SHINJI Mikami, um jogo muito original. Ao invés de armas marciais, os poderes paranormais e habilidades extra-sensoriais manuseados por AKITO deverão ser utilizadas com esmero para neutralizar os espíritos, bloquear seus ataques e extrair suas essências como fios de ouro.

Durante os combates de tirar o fôlego, o jogador poderá desferir ataques especiais e até conjurar algumas habilidades sem precedentes, no momento que ele realiza a combinação de sinais energéticos com as mãos – conhecidos no Budismo, religiões indianas e artes marciais da terra do sol nascente como Mudras ou KUJI-KURI.

Além disso, o protagonista utilizará diversos tipos de ataques elementais para neutralizar, matar ou capturar os espíritos com os Katashiro – os bonecos feitos de papel, que tradicionalmente, são comercializados no Japão como bonecos de forma humana e usados em cerimônias heréticas, rituais de purificação. Os Katashiros também são cultuados como uma substituição de e/ou para alguém ou algo. Após o ritual, os bonecos são descartados em um rio ou corpo de água, para retirar a maldição de uma pessoa. (Videogame também é cultura)

Ao longo de sua jornada, AKITO será guiado por KK – Um detetive que agirá como uma espécie de espírito obsessor, e servirá de suporte.

KK poderá ser ativado a qualquer momento.

Os inimigos enfrentados por ele incluem colegiais de minissaia e sem cabeça manuseando arco-e-flecha, mulheres com braços muito longos armadas com tesouras gigantes, trabalhadores japoneses sem rosto armados de guarda-chuvas e outras bizarrices bem curiosas. AKITO também será atormentado por alucinações psicodélicas, alucinações e fenômenos paranormais.

Algumas delas preveem acontecimentos futuros. Os admiradores e aficionados pela fascinante cultura japonesa se sentirão em casa.

Confira o novo vídeo de Ghostwire: Tokyo com mais de 10 minutos de gameplay, a entrevista com a equipe de desenvolvimento brilhantemente coordenada por SHINJI Mikami e abaixo, os novos detalhes oficialmente compartilhados por KENJI Kimura – o diretor do jogo e do estúdio TANGO Gameworks, que nos guia pelo mundo sobrenatural que aguarda os jogadores no próximo mês:

GHOSTWIRE: TOKYO se passa na Tóquio dos dias de hoje após um desaparecimento em massa de seus cidadãos. A história começa no famoso Scramble Crossing [Cruzamento Caótico], conhecido como um dos cruzamentos de pedestres mais tumultuados do mundo. Em um instante, todos somem — exceto nosso protagonista, AKITO, que de repente se encontra preso a eventos inimagináveis.

Uma névoa perigosa se assenta e torna turva a linha entre o normal e o paranormal, selando Shibuya à parte do resto do mundo. No papel de AKITO, você vai explorar esse local transformado e descobrir as peças do misterioso desaparecimento em massa, da sua família perdida e de Hannya, o homem mascarado por trás de tudo isso.

Uma história, dois heróis

Conforme se aprofunda no jogo, você vai entender porque Akito sobreviveu ao desaparecimento e como ele ganhou o poder de enfrentar os terrores do outro mundo que pairam pela cidade. Para acompanhá-lo na jornada, um detetive grosseiro chamado KK. No princípio do jogo, Akito se envolve em uma batida fatal, mas sua vida é salva quando o espírito de KK se funde em seu corpo para buscar seus próprios objetivos – sendo um caçador de fantasmas veterano com um passado difícil, ele tem uma história com Hannya e uma agenda própria.

Após se fundir com Akito, os dois lentamente começam a entender melhor um ao outro, trabalhando juntos para alcançarem seus objetivos, mas não sem algumas discussões eventuais pelo caminho. Não formam nenhum tipo de amizade instantânea, mas achamos que os jogadores vão gostar das idas e vindas deles enquanto viajam pela Shibuya transformada.

Enfrentando os Visitantes

Conforme anda por Tóquio, você vai acabar se deparando com seres sobrenaturais chamados de Visitantes, adversários malévolos no caminho de Akito e KK. Ataques comuns de armas ou espadas não adiantam contra essas ameaças de outro mundo.

Você vai contar basicamente com o Ethereal Weaving, gestos de mão que possibilitam que você manipule o éter para combater os adversários. Ao controlar essa energia sobrenatural, você pode dar a ela uma forma e soltá-la para causar dano aos adversários. Existem três elementos para controlar, e cada um deles serve melhor contra certos tipos de inimigos. Fazer uso estratégico deles será essencial para ter vantagem nas batalhas.

O primeiro dos três elementos é o vento. O controle do vento possibilita que você dispare rajadas de éter em seus adversários como uma pistola. Depois, tem o controle da água. Funciona mais como uma espingarda, possibilitando que você cause muito dano a curtas distâncias e empurre seus alvos para trás. Esses ataques têm uma grande área de efeito, sendo muito úteis quando você tiver diversos inimigos atacando você. O último ataque elemental é com o controle do fogo. Pense nesse como um lança-foguetes. Causa dano explosivo massivo em qualquer coisa que tenha sido pega no raio da explosão. O controle do fogo é melhor para quando seus inimigos estão juntos e amontoados.

Ataques normais e carregados possibilitam que você revele os núcleos de seus inimigos, que podem ser arrancados para causar bastante dano. Além disso, graças à resposta tátil avançada do controle DualSense do PlayStation 5, você vai se sentir no meio da ação enquanto usa o Ethereal Weaving e arrebenta os núcleos de seus inimigos.

Além dos três ataques elementais, você também pode usar o éter da terra para bloquear ataques inimigos. Você também vai usar outras ferramentas, como um arco e talismãs especiais que facilitam uma abordagem furtiva. Não importa como você prefira lutar, Ghostwire: Tokyo te dá as ferramentas para enfrentar os opositores da forma que escolher em combates emocionantes e dinâmicos.

Missões e progresso informados por mitos e lendas

Shibuya ficou separada do resto do mundo por causa de uma névoa misteriosa que surgiu de diversos portões torii corrompidos, conectados ao submundo, espalhados pela cidade. Akito tem o poder de purificar essa corrupção, desfazendo a névoa que encobre a área ao redor dele e assim expandindo as áreas abertas para exploração na cidade. Os portões torii podem ser encontrados por toda Shibuya, não só nas entradas dos Santuários Shinto, onde eram tradicionalmente encontrados, mas também em becos obscuros e nos terraços.

Conforme anda pelas vielas e investiga as profundezas de Shibuya, você vai testemunhar diversos tipos de acontecimentos sobrenaturais inspirados no incrível folclore japonês. Por exemplo, uma lenda urbana envolve um trem misterioso que aparece nas estações sem estar em nenhum registro ou agenda. Aqueles que embarcam sozinhos são levados para outro reino e ficam presos para sempre. Existe alguma forma de escapar?

Ghostwire: Tokyo te convida a aceitar essa jornada e descobrir por conta própria — caso tenha coragem!

Use espíritos e um dos yokais* (fantasmas, demônios ou monstros) para ficar mais forte

Com o submundo ligado à Shibuya, as coisas outrora ocultas agora começam a aparecer a céu aberto. Apesar da cidade ter ficado muito mais perigosa, nem todo recém-chegado é uma ameaça para Akito e KK. Alguns desses seres podem ajudá-lo a aumentar seus poderes sobrenaturais. Por exemplo, os espíritos que podem ser encontrados vagando pelas ruas. Essas almas perdidas são algumas das quase 200.000 pessoas que desapareceram no começo do jogo. Usando cabines telefônicas especiais montadas por um membro da equipe de KK, Akito pode enviar essas almas em segurança de volta ao seu mundo, e assim evoluindo e habilitando novas Spirit Skills.

Você também vai descobrir personificações de diferentes fenômenos naturais perambulando pelas ruas. Esses seres mitológicos são chamados de yokai, e você vai poder encontrar diversos deles, como kappa, ittan-momen, rokurokubi e muitos mais. No entanto, encontrá-los é só o primeiro passo. Cada um exige um método diferente e único de captura para dominar seus poderes. Kappa, por exemplo, adora comer pepinos, se você levar alguns, será mais fácil atraí-lo para o céu aberto. Os corpos de tecido de ittan-momen podem voar e devem ser perseguidos pelo ar, enquanto o traiçoeiro e pescoçudo rokurokubi deve ser caçado por becos labirínticos.

Sem humanos presentes, as lojas de conveniência e as tendinhas da cidade agora são conduzidas por gatos yokai fofos chamados nekomata. Esses felinos empreendedores vendem todo tipo de item, incluindo comida, talismãs, flechas e mais. Só lembre-se de levar bastante Meika, a moeda sobrenatural em circulação após o desaparecimento.

As criaturas locais como os nekomata e os confusos tanuki também têm bastante trabalhos a serem feitos. Ajude-os e você poderá obter amuletos de proteção e outros itens úteis durante a sua exploração. Mas é claro, nenhuma recompensa material se equipara à satisfação de ajudar um amiguinho fofo.

Conforme o poder de Akito cresce, ele poderá fortalecer seus ataques de Ethereal Weaving, sentir melhor os elementos sobrenaturais ao seu redor, planar pelo ar por mais tempo e até pegar carona com um tengu alado se agarrando nele.

Tóquio: onde a tradição e a modernidade colidem

Tóquio é conhecida por todo mundo por seus arranha-céus gigantescos e pelas luzes neon cintilantes. No entanto, saindo um pouco do caminho batido, você encontra casas velhas, templos antigos, santuários e muita história espalhada pela cidade. Apesar de ser uma cidade moderna com todo tipo de tecnologia de ponta, Tóquio também é um lugar onde você vai encontrar muitos aspectos da natureza retrabalhados na forma de criaturas yokai vibrantes.

A cidade conta com um grande leque de lendas urbanas e contos que exploram a curiosidade humana (e às vezes, o medo do desconhecido). De muitas formas, Tóquio personifica o equilíbrio entre a modernidade e a natureza que faz da cultura do Japão algo tão atraente para as pessoas. É essa atração que a equipe de Ghostwire: Tokyo tenta arduamente capturar na nossa representação dessa cidade que dezenas de milhões de pessoas chamam de lar. Com a tecnologia de traçado de raio e a capacidade única de áudio espacial 3D do PlayStation®5, você vai poder vivenciar os encantos da cidade concebida como nunca antes.

Garanta já a pré-venda

Embarque em uma viagem cheia de ação por uma metrópole paranormal em Ghostwire: Tokyo, chegando ao sistema PlayStation 5 em 25 de março de 2022.

Pronto para se juntar ao KK e recuperar a cidade da invasão sobrenatural de Hannya? Garanta a pré-venda de Ghostwire: Tokyo hoje mesmo e ganhe os trajes de Biker e Hannya para andar entre os espíritos nas ruas de Tóquio com estilo.

Por Cayo Eduardo. (Equipe BIG BOY GAMES)

Fonte: PlayStationYouTube/BETHESDAYouTube/BethesdaSoftworks